Pesquisa nacional avalia os efeitos da pandemia no setor cultural

Sesc integra o esforço na busca de soluções para as atividades no pós-pandemia

A perda total de renda entre profissionais dos setores cultural e criativo em virtude da pandemia de Covid-19 foi de 45,7%. Esse é um dos resultados preliminares apontados pela pesquisa “Percepção dos Impactos da Covid-19 nos Setores Culturais e Criativos do Brasil”, promovida pelo Sesc em parceria com pesquisadores, gestores públicos e instituições do segmento.

A pesquisa foi lançada no dia 10 de junho e está aberta para coleta de dados até o dia 16 de julho. O boletim parcial do estudo, divulgado no dia 8 de julho, indica que desde o início do isolamento social, as atividades mais impactadas com a perda total da receita foram os festivais e feiras (68,4%), seguidos do teatro (59,1%), da produção de filmes (53,9%) e da música (49,5%). Nos estados, a perda total de receitas do setor cultural no mesmo período foi mais sentida no Rio Grande do Sul (56%) e no Espírito Santo (55,7%), e menos sentida nos estados do Paraná (36,4%) e do Amazonas (38,6%).

Os resultados do estudo serão oferecidos às secretarias de cultura, com análises sobre a situação local e em comparação com os demais estados, além das respostas relativas ao estado. O Sesc integra o esforço coletivo de compreensão sobre o atual cenário da cultura na pandemia e trabalha no sentido de interiorizar a captura de dados nas diferentes regiões brasileiras, atingindo profissionais que residem em cidades distantes dos grandes centros, incluindo comunidades tradicionais.

O boletim parcial dos resultados e o formulário para responder a pesquisa estão disponíveis AQUI.

 Fonte: Departamento Nacional do Sesc

Meu Sesc

Agora digite sua senha

Recuperar senha
Insira abaixo o seu login cadastrado ou o n˚ do seu Cartão Cliente Sesc e receba instruções e o link para criar uma nova senha.